Noticias CultVariedades

Entrevista com Cristina Goulart

Psicóloga por formação. Cantora por paixão. Cristina Goulart é mineira de Coromandel-MG, mas é uma das referências em toda a região quando se trata de vocal feminino. Fã de Elis Regina e Marisa Monte atribui sua identidade musical a todos os gêneros. De gostos simples e sonhos sem fronteiras, ela abriu o coração e conversou comigo sobre carreira, família e sua melhor parceria. Filha única entre oito irmãos. Inegável dizer que já era destaque na família por isso. A veia musical veio dos tios, que já tocavam em serestas em Coromandel, sua cidade natal. Cristina Goulart não planejou ser cantora ou ser denominada como artista. Nem seus pais, Ildeu e Sabina. “Fui criada para investir no estudos”, disse. Tanto que cursou a faculdade de Psicologia.

Na infância cantava com a família, em festas. Na faculdade, eram karaokês, participações em shows de um dos seus irmãos (Ildeu Filho) e em festas da faculdade. Foi, então, que a carreira musical deslanchou. “Aos 20 anos comecei a cantar no London Pub e não parei mais. Vieram teatro, musicais, Faustão, gravação do meu CD e depois o Projeto Revival”, disse contanto os projetos que não pararam por aí. Revival rendeu ainda um DVD, vários shows, e ainda tem no currículo o Projeto Divas – que já tem mais de dez anos de história. Foi a partir das suas participações no Domingão do Faustão, entre os anos de 1998 e 2000, que ela atribui a palavra sucesso. “Foi uma experiência muito bacana que me rendeu bons aprendizados e lembranças”, revela.

Falar de música para ela é assunto que flui fácil. Difícil mesmo é definir o estilo musical ao qual mais se identifica. “Minha raiz e escola são a MPB, mas não tenho um estilo definido. Canto o que me emociona, me diverte e que mexe com quem está ouvindo”, conta. E a lista de referências é bem diversificada. Veja só: Legião Urbana, Paralamas do Sucesso, Kid Abelha, Pink Floyd, Supertramp, U2, Rolling Stones, Beatles, Elvis… E referências do cenário indie e mais atual da música: Tulipa Ruiz, Malu Magalhães, Florence Welch e Adele.

“Não tive tempo para frustrações. Meu maior sonho eu já realizei: eu tenho minha família”. A cantora confessa que tem pretensões e vaidades, mas que não tem pressa. “Vou vivendo e realizando”. E das conquistas, Cristina fala sobre sua melhor parceria. “Meu marido, o David. É o homem que amo, que admiro. É meu amigo, meu parceiro e um ser humano que me apoia em tudo o que me disponho a fazer”. Atualmente a cantora faz cerca de cinco shows por mês e pretende gravar músicas infantis. “São cirandas que já foram escritas pelo meu amigo, poeta e compositor, Caco Sodré”, explica. E você pode encontrar com a Cristina Goulart nos palcos de Uberlândia, em sua casa com a família, “a caminho da casas dos pais, em Trancoso ou Toscana”.

PorPatrícia Caetano | Fotos: Mauro Marques e Nina Fotografias

c1f
Post Anterior

Entrevista com Leo Faria

1
Próximo post

Seresta marca comemoração do Dia Internacional da Mulher no Hospital do Câncer

Filipe Medeiros

Filipe Medeiros

Filipe Medeiros é publicitário e possui um site de comunicação/entretenimento (Papo e Mídia).

Nenhum Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>